Skip to content

Sobre medo e amor.

novembro 26, 2014

Filha, hoje você já passa de 1kg e já está naquela posição fetal, prontinha e pra baixo. Ta bem, saudável, mexe sem parar e não deixou tirar uma foto, virou logo o rostinho. Hoje não é dia né? Nem pra mim nem pra você, entendo.

Todos os dias o meu amor por você só crescer, mas você deve ter sentindo algo estranho aí dentro, já que eu sinto aqui fora. É uma mistura de medo, apreensão, ansiedade, solidão, sei lá. É medo de não dar conta, sabe? É que eu quero dar o máximo a você, ser melhor, ser capaz, mas tem dias que não dá e a vontade é só chorar. Chorar de medo de não ter tudo lindo e pronto para você chegar, medo de não conseguir ser e dar tudo que você precisa. Mas passa, eu sei que passa.

Só preciso que você saiba que eu a amo, e não vou mentir pra você, eu não estava preparada para sua chegada, foi um presente surpresa, lindo e muito mais do que eu merecia, mas dá medo, muito. Com a minha dor, falta de tempo, falta de dinheiro ou falta de segurança eu me virava, mas com você não pode faltar, e eu te prometo, não vou deixar. Deixa eu chorar bem muito agora, ter inseguranças, deixa eu colocar tudo pra fora, pra quando você chegar, ser só amor.

Às vezes a gente precisa transbordar, você vai entender. Não é culpa sua, é minha, de querer estar completamente pronta pra você. Ser mãe é uma palavra que ainda me pega de surpresa, mas também me emociona e me faz bem.

Você tem mexido toda noite, madrugada, dia, e isso me anima, me faz ter coragem pra fazer tudo que eu preciso. É porque nessas horas eu tenho certeza que você está comigo e é só disso que eu preciso.

Amadurece aí filha, no seu tempo, que eu estou fazendo o mesmo aqui fora. ❤

IMG_4696

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. Verônica Mena permalink
    novembro 26, 2014 19:21

    Lindooooooo,
    Olha.. você não precisa tá pronta pra tudo, curta .. sua gestação, você vai sentir saudades depois, evita ficar triste por que ela sente tudinho 😉

    Converse com ela, muitooo.. ela já te escuta!

    E ser Mãe é ser eternamente culpada!
    Por que ela não come direito!
    Por que ela gripou. .
    Por que ela..TUDO! tudooo a Mamãe sempre se sente culpada, costumo chamar de A Culpa de Amor.

    Com o tempo, e quando ela estiver em seus braços, olhando pra você,
    você começa a achar um sentido pra tudo, um amor ainda mais forte ( se é que é possivel), te invadi. . e nada mais te intimidará. Você enfrentará leões, e os medos você superará dia pós dia, ela te fortalecerá. .. e trará toda a força que você pode vir a precisar.

    Curta muito, aproveite. . durma aa. . descanse. . coma muitoo e tudo o que tiver vontade.. durma aa aa muitoo mais de novo. ..kkkkk.. você vai sentir saudade do soninho!

    Se cuida e lembre – se estou aqui, quando precisar.. Alice também será parte da minha vida, por que Sophia vai amar muitoo essa Princesa e eu também 😉

    Força..
    Um Beijão

    • novembro 27, 2014 14:47

      Ow flor,tão lindo e feliz ler isso tudo! Gravidez é assim né, ontem tava pra baixo, hoje uma alegria só!! Mas nada como ver cada ultra e esperar pra ver o rostinho! Jáájá chega a priminha de Sophis aí. Obrigada pela força, isso é muito importante ❤ Beijão nas duas, lindas!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: